América EUA O que fazer em Washington DC Viagens Washington

Smithsonian National Museum of American History

26 de agosto de 2016

Hoje falo sobre o terceiro museu mais visitado de D.C, o Museu da História Americana. Eu nem sabia que ele existia até vir morar aqui. Quando comecei a pesquisar sobre os locais para passear me deparei com ele lá super importante no mapa do National Mall.

Ao entrar no Museu vindo do National Mall (ele tem duas entradas) você logo dá de cara com a bandeira dos EUA absurdamente enorme e atrás dela fica a primeira de todas que deu origem inclusive ao hino nacional do país. É bem bacana ver de perto o patriotismo dos visitantes e como eles colocam a mão no peito em reverência.

Você pode falar qualquer coisa do povo norte americano menos que eles não amam o país deles. Eles são extremamente patriotas e eu nunca tinha presenciado algo tão forte na minha vida – a não ser durante a Copa do Mundo no Brasil 🙂 (eu sei… não tem comparação). É um amor absurdo e agora entendo o porque tem tantos filmes que tratam sobre este tema.

Como não há uma sequência para ver as exposições neste museu, decidi começar do último andar (terceiro). Pelo menos no dia que eu fui, não havia tour guiado sendo oferecido.

Comecei minha visita pela exibição “Price of Freedom” que fala sobre o preço que a nação americana paga pela sua liberdade e como as guerras determinaram quem os EUA são hoje em dia. A exibição começa pela Guerra da Independência em 1775, passa pela Guerra Civil em 1861, Primeira Guerra Mundial em 1917, Segunda Guerra Mundial em 1941, Guerra Fria 1945, Guerra do Vietnã 1956 e os conflitos recentes que os EUA vem enfrentando.

Continuando neste andar tem uma exibição chamada “The American Presidency” que retrata a presidência dos EUA, viajando pela linha do tempo dos 44 presidentes americanos até hoje com objetos importantes de cada mandato, a era que cada presidente governou, suas dificuldades, etc. Tenho inclusive que voltar a este museu e ver se eles já atualizaram a exposição com algum item sobre o atual presidente Donald Trump.

Logo ao lado dessa exibição vem a minha favorita deste andar que se chama “First Ladies”. Essa exibição fala justamente sobre suas primeira-damas e como era a vida na época de cada uma delas, o que elas representavam para a sociedade, qual o papel de cada uma delas durante o mandato de seus maridos. Eu fiquei encantada com essa exposição. É uma viagem no tempo ver vestidos, objetos pessoais, como o referencial de beleza mudou com o passar dos anos, etc. Abaixo a toda poderosa Michelle Obama doando o vestido que usou na festa de posse do presidente Barack Obama.

No segundo andar que seria o andar de entrada pelo National Mall tem a exibição que mencionei no inicio do post a “Star-Spangled Banner” e também a exibição “American Stories” que mostra objetos importantes para a história do pais.

Já no primeiro andar a exposição mais interessante para mim é a “America on the Move” onde eles abordam a evolução dos transportes nos EUA. Entre os objetos expostos esta uma locomotiva de 199 toneladas modelo 1401 construída originalmente em 1926.

Este museu é enorme e também é considerado um dos mais importantes do grupo Smithsonian. Por eu ser casada com um americano e ouvir muitas coisas em casa sobre a história do país, para mim foi super interessante visitar o museu e entender um pouco mais a cabeça da minha família do lado daqui. Talvez você meu amigo que não seja americano ou não se importe tanto assim com a história dos caras, não passe tanto tempo neste museu como eu passei e talvez não o ache tão interessante.

Lembrando que o Smithsonian National Museum of American History abre das 10am às 5:30pm e também opera em horários especiais no verão americano até às 7:30 da noite. A estação de metrô mais próxima é a Federal Triangle e a sua entrada é livre.

Caso já tenha visitado ou planeje visitar este museu, comenta comigo abaixo as suas impressões,

Até o próximo post =D

 

 

Compartilhe

Por Érica Brasilino

0

Pessoas comentaram

Post anterior:


Próximo post:


Comente via Facebook

Deixe seu comentário